Artigos para a tag ‘depoimentos’

Vendedor Receberá Indenização Por Danos Morais Por Ter Sido Convidado a Rebolar em Reunião

maio 10th, 2012

VENDEDOR RECEBERÁ R$ 25 MIL POR TER SIDO CONVIDADO A REBOLAR EM REUNIÃO

comportamento do gerente e dos colegas de trabalho foi agressivo e inaceitável, causando humilhação e angústia ao trabalhador e atingindo sua honra

“Convidado” pelo gerente a rebolar em reuniões, um vendedor da Refrigerantes Minas Gerais Ltda. receberá indenização de R$ 25 mil por danos morais. O recurso da empresa não foi conhecido pela Oitava Turma do Tribunal Superior do Trabalho, que concluiu, » Mais: Vendedor Receberá Indenização Por Danos Morais Por Ter Sido Convidado a Rebolar em Reunião

Jt Reconhece Vínculo de Pm Como Segurança Particular de Condomínio

outubro 6th, 2011

JT RECONHECE VÍNCULO DE PM COMO SEGURANÇA PARTICULAR DE CONDOMÍNIO

No pedido, alegou haver na sua situação os requisitos para o vínculo de emprego, como o caráter não eventual da prestação de serviços, com pessoalidade, onerosidade e subordinação

A declaração de existência da relação de emprego durante mais de quatro anos entre o Condomínio Novo Leblon, no Rio de Janeiro, e um policial militar que, nas horas vagas, prestava serviços particulares como segurança, » Mais: Jt Reconhece Vínculo de Pm Como Segurança Particular de Condomínio

Acusada no Caso das “Bruxas de Guaratuba” é Condenada a 21 Anos e Quatro Meses de Prisão

maio 30th, 2011

Acusada no caso das “Bruxas de Guaratuba” é condenada a 21 anos e quatro meses de prisão

O Tribunal do Júri de Curitiba (PR) condenou, no final da tarde deste sábado (28), Beatriz Abagge, 47, a 21 anos e quatro meses de prisão pelo assassinato do menino Evandro Ramos Caetano, de seis anos, em um ritual de magia negra. O crime, ocorrido em 1992, ficou conhecido como o caso das “Bruxas de Guaratuba” e chocou o país. Ela poderá recorrer da sentença » Mais: Acusada no Caso das “Bruxas de Guaratuba” é Condenada a 21 Anos e Quatro Meses de Prisão

Quebra de Sigilo Fiscal dos 38 Réus do Processo do Mensalão

março 16th, 2011

Joaquim Barbosa autoriza quebra de sigilo fiscal dos 38 réus do processo do mensalão

O sigilo fiscal dos 38 réus envolvidos no esquema de compra de votos no Congresso Nacional, conhecido como mensalão, foi quebrado pelo relator do caso no Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Joaquim Barbosa. A decisão, publicada no Diário da Justiça do dia 23 de fevereiro, atende a um pedido do Ministério Público Federal » Mais: Quebra de Sigilo Fiscal dos 38 Réus do Processo do Mensalão