Artigos para a tag ‘empregador’

Multa Por Anotação Contra Empregado na Carteira de Trabalho Pode Aumentar

janeiro 10th, 2012

MULTA POR ANOTAÇÃO CONTRA EMPREGADO NA CARTEIRA DE TRABALHO PODE AUMENTAR

A Câmara analisa proposta que aumenta a multa paga pelo empregador nos casos de registro na carteira de trabalho de anotações que possam causar dano à imagem do empregado. A medida está prevista no Projeto de Lei nº 2.420/11, que fixa a sanção em » Mais: Multa Por Anotação Contra Empregado na Carteira de Trabalho Pode Aumentar

HSBC Terá Que Pagar em Dobro Férias a Funcionária Por Exigir Que Trabalhasse 10 Dias

dezembro 29th, 2011

BANCO PAGARÁ EM DOBRO POR OBRIGAR EMPREGADA A CONVERTER FÉRIAS EM PECÚNIA

O ministro Maurício Godinho Delgado, relator do recurso na Turma, entendeu que converter 1/3 das férias em abono pecuniário, sem prévia consulta aos empregados, justificava a condenação do HSBC ao pagamento em dobro.

A concessão de 30 dias de férias é dever do empregador, facultado ao empregado converter um terço desse período em abono pecuniário, conforme a regra estabelecida no artigo » Mais: HSBC Terá Que Pagar em Dobro Férias a Funcionária Por Exigir Que Trabalhasse 10 Dias

Funcionária Que Exercia Cargo Diferente Daquele Para o Qual Foi Contratada é Indenizada

outubro 17th, 2011

CTIS PAGARÁ DIFERENÇA SALARIAL A ANALISTA CONTRATADA COMO RECEPCIONISTA

“inadmissível que a ausência de norma específica sirva de respaldo para o enriquecimento ilícito da empregadora”.

Contratar empregada para prestação de serviços em determinada função e exigir-lhe a execução de tarefas mais complexas, sem remuneração correspondente, é caso de alteração contratual ilícita. Com esse entendimento, » Mais: Funcionária Que Exercia Cargo Diferente Daquele Para o Qual Foi Contratada é Indenizada

Empresa Que Obrigava Empregados a Chegar Mais Cedo e Sair Mais Tarde Sem Pagar HE é Condenada

setembro 28th, 2011

JUIZ CONDENA EMPRESA QUE BLOQUEOU RELÓGIOS DE PONTO PARA NÃO TER QUE PAGAR MINUTOS RESIDUAIS

 

Osentenciante condenou a empresa a pagar ao reclamante horas extras, com os adicionais previstos na norma coletiva, decorrentes dos serviços prestados em minutos antecedentes (25 minutos) e posteriores (15 minutos) aos horários contratuais de início e término de sua jornada diária, com reflexos.

O tempo gasto pelo empregado com reuniões, bem como o efetivo trabalho antes e após a jornada, ainda que esses atos sejam uma faculdade concedida pela empresa, deve ser computado na jornada de trabalho, por se tratar de tempo à disposição do empregador. » Mais: Empresa Que Obrigava Empregados a Chegar Mais Cedo e Sair Mais Tarde Sem Pagar HE é Condenada

Supermercado Que Rateou Prejuízo Entre os Empregados Terá Que Pagar Indenização

julho 15th, 2011

SUPERMERCADO QUE RATEOU PREJUÍZO ENTRE OS EMPREGADOS TERÁ QUE PAGAR INDENIZAÇÃO

 Magistrada condenou o supermercado reclamado ao pagamento de indenização por danos morais, no valor de 2.000,00.

Na 2a Vara do Trabalho de Contagem, foi submetida ao julgamento da juíza substituta Luciana Jacob Monteiro de Castro a ação proposta por um trabalhador que se sentiu ofendido ao ter descontado de seu salário valor referente à sua quota » Mais: Supermercado Que Rateou Prejuízo Entre os Empregados Terá Que Pagar Indenização

JT CONDENA BANCO POR GERENTE QUE SUGERIU USO DE FAVORES SEXUAIS PARA CUMPRIR METAS

junho 20th, 2011

JT CONDENA BANCO POR GERENTE QUE SUGERIU USO DE FAVORES SEXUAIS PARA CUMPRIR METAS

É legítimo ao empregador exigir de seus empregados o cumprimento das metas por ele fixadas, desde que isso não cause constrangimento, humilhação e degradação à imagem do trabalhador.

É legítimo ao empregador exigir de seus empregados o cumprimento das metas por ele fixadas, desde que isso não cause constrangimento, humilhação e degradação à imagem do trabalhador. Com esse entendimento, a Primeira Turma do Tribunal Superior do Trabalho (TST) manteve condenação do Banco Santander em danos morais » Mais: JT CONDENA BANCO POR GERENTE QUE SUGERIU USO DE FAVORES SEXUAIS PARA CUMPRIR METAS